terça-feira, 19 de março de 2013

Polícia Ambiental investiga suposto ataque de onça em chácara de Doutor Camargo


O Batalhão de Polícia Ambiental Força Verde investiga um suposto ataque de onça ocorrido em uma chácara em Doutor Camargo (a 36 km de Maringá), na madrugada desta terça-feira (19). Um bezerro morreu e outros dois ficaram bastante feridos, segundo os donos da propriedade rural.

Os ataques a animais da propriedade de Jorge e Marinez Zaparoli Ortolan vem acontecendo há mais de um ano. "No ano passado, mataram frango, coelho, cachorro... No começo, a gente achava que eram outros cachorros que estavam atacando", diz Marinez. Os Ortolan começaram a criar bezerros somente em 2013. "Neste ano, o primeiro ataque ocorreu entre o dia 8 e o dia 15 de janeiro, e o segundo, do dia 21 para o dia 22 de fevereiro. O penúltimo foi de quinta (14) para sexta-feira (15), quando dois bezerros e sete coelhos foram mortos".
Desde o início do ano, porém, muitas pessoas opinavam que os ataques não seriam de cães, diz a proprietária. "Vinha gente aqui e falava que era rastro de onça. A gente não acreditava, porque parece que é história de pescador. Mas ficamos quietos e, em fevereiro, veio mais gente falando que era onça, mas como ninguém informava, enterramos o bezerro e ficou assim. Mas na semana passada, veio um cara que gostava de caçar e falou que era rastro de onça. A Polícia Florestal de Maringá também confirmou que o tipo de morte dos bezerros é causado por onça: ela come uma parte das paletas e tira os miúdos dos bezerros", explica Marinez.
Ainda conforme a proprietária, o casal mora na chácara com a filha há quatro anos, e até o ano passado nenhum animal criado pela família havia sido atacado.
Segundo o capitão Luciano Buski, comandante da PM Ambiental em Maringá, foram registrados ataques em Mandaguaçu (a 20 km de Maringá) e Doutor Camargo e, ao que tudo indica, foram feitos por onça ¿ provavelmente uma suçuarana.
Uma equipe está no local em rondas para tentar localizar o animal autor dos ataques. O capitão alerta a população que, em caso de ataque, avise a PM Ambiental. O telefone da Força Verde em Maringá é o (44) 3901-1936.

http://maringa.odiario.com/policia/noticia/732458/policia-ambiental-investiga-suposto-ataque-de-onca-em-chacara/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados nesse espaço não são de autoria e nem responsabilidade do autor deste blog Se por acaso, você se sentir ofendido, mande um email para joaopacheco2210@hotmail.com que ele será removido. Esse espaço é democrático, aproveite para dar a sua opinião, sem ofender ninguém.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...